Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Logística reversa de latas de aço traz vantagens para as construtoras e auxilia associação junto à cooperativas de reciclagem

latas de aço

Prolata, associação sem fins lucrativos criada pela cadeia de valor dos fabricantes de latas de aço no Brasil, tem auxiliado as construtoras no que diz respeito à logística reversa das latas de aço pós consumo, como as de tinta, massa corrida etc. Algumas das principais construtoras do país como Lindenberg, Trisul, MRV e Gafisa estão entre as que recorrem ao programa para descartar adequadamente as latas de aço geradas em suas obras.

Instrumento previsto na Lei de Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), a logística reversa viabiliza o procedimento de coleta e a restituição de determinados resíduos sólidos do setor empresarial. Segundo Thais Fagury, presidente da Abeaço e coordenadora da Prolata, o responsável por destinar as latas para o programa é a própria obra. “As embalagens e os resíduos originados em obras são geração de pessoa jurídica e a responsabilidade é exclusiva da obra. O programa oferece uma facilidade para o descarte.”

Ela explica que a construtora identifica a obra e entra em contato com a Prolata, que indica qual é o ponto do programa mais próximo para o descarte. A obra então entrega as embalagens de aço livres de resíduos – no caso das tintas, as latas são entregues apenas com o filme seco de tinta. Em média, cada obra gera de 300 kg a 400 kg de latas de aço pós consumo. “Após a entrega das latas, a Prolata emite um certificado de destinação ambientalmente adequada, garantindo a rastreabilidade do material e a revalorização pela indústria siderúrgica”, completa Thais.

A Prolata foi a primeira entidade gestora para logística reversa de embalagens reconhecido pelo Ministério do Meio Ambiente. Além de contar com mais de 30 Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) em todo o País, a Prolata mobiliza hoje mais de 50 cooperativas de reciclagem. Desde a fundação da associação, já foram coletadas e recicladas mais de 28 mil toneladas de aço.

“Nosso objetivo é criar condições para que a cadeia de reciclagem da lata de aço se complete, envolvendo os fabricantes de latas, fabricantes de produtos, cooperativas, consumidor final (incluindo construtoras) e indústria siderúrgica”, explica Thais.

Construtoras interessadas em participar da Prolata podem ligar no (11) 3807-8868 ou enviar um email para prolata@prolata.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

%d blogueiros gostam disto: