Como o BIM pode agregar valor aos empreendimentos e veja os seus benefícios durante o pré-projeto.


conteúdo trisul


No setor da construção civil, cada vez mais a tecnologia BIM tem se tornado mais presente. Building Information Modeling ou, em português, Modelagem da Informação da Construção é um conceito inovador relacionado com os projetos para a construção. O conceito BIM utiliza modelos 3D e, por isso, são mais fiéis ao produto final. 

Por isso, falar de BIM não é sobre o futuro, mas o presente dentro do setor da construção civil. No post de hoje vamos abordar como o BIM agrega valor aos empreendimentos, em especial durante a fase do pré-projeto.

BIM: o que eu preciso saber

BIM é uma série de softwares, métodos e processos utilizados para dar suporte ao longo das fases do projeto, ou seja, ele permite a gestão da informação por todo o ciclo da edificação. Desta forma, os integrantes conseguem compreender e revisar o projeto com mais agilidade e facilidade e, desta forma, uma maior precisão, além de possibilitar a avaliação de alternativas em termos de custo e outros parâmetros do projeto.

Estratégia Nacional de Disseminação do BIM

O novo Decreto 9.983/2019 define a Estratégia Nacional de Disseminação do Building Information Modelling no Brasil e foi instituída com a finalidade de promover um ambiente adequado ao investimento em BIM e a sua difusão no país. Esse decreto entende BIM como o conjunto de tecnologias e processos integrados que permite a criação, a utilização e a atualização de modelos digitais de uma construção, de modo colaborativo, de forma a servir a todos os participantes do empreendimento, potencialmente durante todo o ciclo de vida da construção.

A importância do BIM durante a pré-construção

Como vimos, o BIM é utilizado ao longo de todas as fases de um projeto. Porém, vamos verificar aqui as suas vantagens durante a fase de pré-construção. Mas, antes, é importante entender que a pré-construção é o conjunto de atividades e serviços realizados previamente à etapa de produção (execução da obra ou construção). Ou seja, é o desenvolvimento e planejamento do projeto que antecede a obra. Compreende, destas formas, algumas esferas, tais como estimativas de custo, o estudo de viabilidade, o planejamento e o orçamento detalhados de um projeto integrado de construção. A finalidade da pré-construção é garantir uma maior eficácia do projeto, assim como a sua construtibilidade.

No geral, o que pode ser visto durante esta fase? Muitos atrasos de projetos, assim como atrasos de cronogramas de obra gerando, desta forma, o aumento do custo do respectivo empreendimento. Isso acaba por gerar, na maior parte das vezes, desgaste na relação entre a construtora e os clientes, assim como com os investidores.

Daí vem a importante pergunta: como o uso da tecnologia BIM pode otimizar o desempenho de um projeto durante a sua fase de pré-construção? Trouxemos aqui alguns destes benefícios:

  • Antecipar as possíveis incertezas durante a fase de definição do projeto;
  • Definir de maneira mais precisa o budget e o cronograma para início do empreendimento;
  • Reduzir riscos e, com isso, gerar uma necessidade menor de repactuação de prazos;
  • Aumentar a credibilidade da empresa, devido ao cumprimento maior dos prazos e orçamentos e, com isso, aumentando a atratividade dos empreendimentos;
  • Diminuir o grau de incerteza do projeto.

Assim, é importante que as empresas do setor da construção civil, assim como os profissionais, comecem a utilizar o conceito do BIM nos seus projetos.

 


Quer continuar atualizado sobre as inovações na construção civil? Acompanhe os posts da Universidade Trisul.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: